19 estatísticas de SEO para inspirar sua próxima estratégia

Eu sempre disse que existem dois tipos de pessoas no mundo:

Pessoas da matemática e pessoas da linguagem.

(Caso você ainda não tenha adivinhado, eu sou o último.)

Pense nisso: é raro que o inglês e Matemática são suas aulas favoritas na escola.

É um ou outro, certo?

Agora que fiquei mais velho, ainda mantenho essa filosofia, mas aprendi que uma combinação de matemática e a linguagem pode ajudá-lo a dominar o mundo.

Mesmo em SEO.

Por que?

Porque o SEO requer uma grande quantidade de pessoas para torná-lo um sucesso.

Essa necessidade urgente de comunicação forte – e o fato de que o SEO adora conteúdo – são os fundamentos do SEO.

Mas para criar conteúdo que tenha impacto nas SERPs, você precisa entender os números.

Então, você está pronto para usar matemática e linguagem para construir uma estratégia de SEO que domine o mundo?

vou descompactar 19 estatísticas de SEO surpreendentes e mostrar como usá-los a seu favor.

Vamos!

Tablet de Conteúdo

Estatísticas básicas de SEO que todos deveriam saber

Primeiramente, vamos resolver o básico.

Não importa se você é um profissional de SEO ou apenas está mergulhando nas águas do SEO, você precisará conhecer estas estatísticas básicas do mecanismo de pesquisa:

1. O Google recebe mais de 1,2 trilhão de pesquisas todos os anos (Estatísticas ao vivo da Internet)

Se alguma vez houve um forte motivo para acreditar no valor do SEO, é este.

O Google recebe bilhões de pesquisas na Internet todos os anos – o que significa que o cliente ideal da sua empresa certamente usará um mecanismo de pesquisa para encontrar informações relacionadas ao seu negócio.

Ler:  Como adicionar links automáticos da Amazon no WordPress para ganhar mais dinheiro

Por que você não gostaria de ter a chance de posicionar sua empresa diante deles em um ponto tão crítico do processo de compra?

2. A receita global do Google foi de US$ 109,7 bilhões somente em 2017 (Estatista)

Se você ainda não está convencido do poder do Google, isso certamente fechará o negócio.

A empresa obteve uma enorme quantia de dinheiro somente em 2017 por meio de produtos e serviços pagos como Google Ads, G Suite e a linha Google Home.

Portanto, o raciocínio por trás do enorme número de visitantes anuais (e da gigantesca participação de mercado) provavelmente não será um choque.

3. Em 1999, o Google levou um mês para rastrear e indexar 500 milhões de páginas. Em 2012, demorou menos de um minuto (Informações inteligentes)

Existe alguma indicação melhor para provar o ritmo do Google do que esta estatística de SEO? Em 13 anos, o tempo que o software leva para rastrear e indexar 500 milhões de páginas foi reduzido drasticamente – de um mês inteiro para menos de 60 segundos.

Mas o que isso significa para os profissionais de SEO?

Bem, você pode não esperar tanto para que as alterações feitas entrem em vigor. Isso nunca é uma coisa ruim – e pode provar se sua estratégia está funcionando mais cedo ou mais tarde.

4. Em 2017, o Google mudou seu algoritmo 13 vezes (Moz)

É isso mesmo: de acordo com o changelog do algoritmo do Google da Moz, 13 alterações foram registradas somente em 2017.

Promovendo a ideia de que a equipe de software do Google está sempre atenta com seu mecanismo de pesquisa, isso significa que os especialistas em SEO podem seguir as diretrizes atualizadas recentemente para aumentar suas chances de classificação elevada.

Mas isso também vem com um aviso:

Como o algoritmo deles está mudando muito, é difícil acompanhar.

Os fatores de classificação, os recursos de SEO e a forma como o algoritmo do Google vê um site estão em constante evolução, então o lema “mantenha-se ou fique para trás” realmente entra em vigor aqui!

5. Leads de SEO têm uma taxa de fechamento de 14,6%, em comparação com 1,7% para leads de saída (Imforza)

Os profissionais de marketing sempre têm um objetivo comum: garantir que as estratégias que estão executando tenham o maior retorno possível sobre seu investimento de tempo, dinheiro ou esforço.

Se este é o maior dilema que você enfrenta em seu departamento de marketing, lembre-se desta estatística de SEO.

Comprovado que fecha mais leads do que o marketing externo – como ligações não solicitadas, publicidade no rádio ou promoção de seu negócio por meio de feiras comerciais – adicionar SEO à sua lista de prioridades é algo óbvio, na verdade!

6. 45% dos profissionais de marketing planejam aumentar seus orçamentos de SEO (Gráficos de marketing)

Atribuir orçamentos em sua estratégia de marketing é difícil. Lembra do que mencionei sobre o maior objetivo de um profissional de marketing: encontrar táticas com o melhor ROI?

Parece que finalmente estamos percebendo: quase metade dos profissionais de marketing entrevistados em uma pesquisa admitiram que estão planejando aumentar seus orçamentos de SEO.

São mais empresas planejando aumentar seu dinheiro em SEO do que em outras táticas, como webinars, PPC ou publicidade gráfica.

Estatísticas de SEO na página

Definido como um conjunto de ações que ajudam uma única página a ter uma classificação mais elevada nas SERPs, o SEO na página precisa desempenhar um papel na sua estratégia – mesmo se você estiver lidando com um site do tamanho do Amazon.

Aqui estão as estatísticas de SEO na página de que você precisa para dar a cada página individual um forte poder de classificação:

Ler:  As sete etapas para criar um ótimo vídeo TikTok
7. Sabe-se que melhorias no conteúdo aumentam o tráfego do blog em até 2.000% (Sherpa de marketing)

Todos nós sabemos que o marketing de conteúdo é crucial no SEO – isso não é segredo.

Mas ao publicar conteúdo de blog regularmente, produzir white papers, realizar webinars e criar apresentações, uma empresa demonstrou que um aumento de 2.000% no tráfego do site é uma possibilidade.

E isso não é tudo.

Como mais pessoas visitaram seus sites por meio de plataformas influenciadas por seu conteúdo otimizado para SEO, a receita da empresa cresceu 40% ano a ano e seu custo por aquisição (CPA) foi reduzido em 15%.

8. O resultado médio da primeira página no Google contém 1.890 palavras (Backlink)

Ao otimizar cada página individual para SEO, lembre-se desta estatística.

A Backlinko encontrou uma correlação poderosa entre a contagem total de palavras e a posição no ranking quando analisou mais de um milhão de SERPs:

Mas por que isso acontece?

A teoria mais forte é que o principal objetivo do Google é mostrar a página mais relevante e de mais alta qualidade para a consulta de pesquisa de um usuário. Conteúdo com mais de 1.500 palavras tem muito mais probabilidade de ser útil do que uma página de 500 palavras, daí as classificações mais altas.

Portanto, ao criar o conteúdo de cada página individual do seu site, não tenha medo de se aprofundar nos detalhes. Inclua estatísticas, pontos de dados e explicações para respaldar seus pontos e em breve você colherá os frutos.

9. As empresas que possuem blogs têm 434% mais páginas indexadas do que aquelas que não o fazem (Cliente Técnico)

Embora isso possa parecer muito óbvio, é importante.

Um número maior de páginas indexadas significa que um site tem mais chances de classificação nas SERPs. Por que? Porque se cada página tiver como alvo um pequeno grupo de palavras-chave, mais páginas equivalem a mais oportunidades de classificação.

Pronto para uma frase que parece que estou ensinando você a chupar ovos?

Comprometendo-se com uma programação regular de blog está comprovado que equivale a mais páginas indexadas, simplesmente porque você tem mais páginas para indexar – e mais palavras-chave para segmentar.

10. Marcas e empresas com blogs recebem 97% mais links para seus sites (Estado de entrada)

Seguindo a estatística de SEO anterior que acabei de compartilhar, faz sentido que as empresas com um blog vejam quase o dobro do número de backlinks para seus sites do que aquelas que não têm um blog.

A explicação é simples:

Se você tiver mais páginas indexadas (e uma gama mais ampla de recursos) disponíveis em seu blog, há uma chance maior de outro autor – que deseja distribuir um backlink – encontrar seu site.

Já que você está se concentrando em oferecer conteúdo extenso e de alta qualidade, por que eles não escolheriam seu site como o site perfeito para direcionar os visitantes?

Estatísticas de SEO fora da página

Agora que você já cobriu os princípios básicos da página, precisará pensar um pouco nos fatores fora da página que influenciam a classificação do seu site nas SERPs.

Portanto, mantenha essas estatísticas de SEO fora da página em mente ao planejar uma nova estratégia:

11. A página média na posição 1 tem mais de 35.000 backlinks externos (Backlink)

Aqui no Ahrefs, essa é uma estatística sobre a qual adoramos divulgar.

Os dados do Backlinko provam que mais backlinks equivalem a classificações mais altas do Google, e a explicação remonta à principal prioridade do Google de mostrar os resultados mais relevantes para a consulta de um pesquisador.

Pense nisso: se você fosse o Google, em qual desses sites você confiaria mais?

Ler:  Guia do comerciante para o produto para download no Magento 2: o que é e como usá-lo

A) Um site com quatro backlinks de um domínio de referência

B) Um site com 150.600 backlinks de milhares de domínios de referência

Eu escolheria a opção B sempre.

Como milhares de outras pessoas confiam no site o suficiente para criar um link para ele, o site deve compartilhar algo valioso, certo?

12. 130.000 compartilhamentos no Facebook ajudaram um site a ser classificado na posição # 1 em frases de palavras-chave competitivas (Mateus Woodward)

O Google disse que os compartilhamentos nas redes sociais não contam como links, mas o debate sobre como os compartilhamentos sociais impactam as classificações do Google continua.

Caso você tenha perdido, aqui está a posição do Google sobre o assunto:

Mas depois que uma empresa direcionou 130.000 compartilhamentos do Facebook para uma página de seu site, parece que o Google percebeu – e elevou as classificações da página para palavras-chave competitivas a um lugar de destaque nas SERPs.

Portanto, se você deseja impulsionar o ranking de uma página, tente promovê-la nas redes sociais.

Embora possa parecer impossível coletar perto de 130.000 ações, ainda há uma chance de aumentar sua posição SERP se você conseguir adicionar credibilidade social.

Estatísticas locais de SEO

Se quiser ter a chance de aparecer em pesquisas locais (como “mercearias perto de mim”), você precisará fazer do SEO local uma parte integrante de sua estratégia abrangente.

Aqui está o porquê:

13. Quase um terço das pesquisas em dispositivos móveis estão relacionadas a um local (Google)

Pensamos no Google como o lugar onde podemos encontrar qualquer informação que procuramos – e uma nova onda de usuários móveis está usando-o para obter informações baseadas em localização, como:

  • Instalações próximas (ou seja, “ATM perto de mim”)
  • Horário de funcionamento de uma empresa local

Mas como você pode usar essas estatísticas de SEO para alimentar sua estratégia local de SEO?

Aqui está sua resposta: concentre-se na criação de páginas otimizadas para SEO local, enquanto certificando-se de que eles sejam compatíveis com dispositivos móveis. Você não quer frustrar os visualizadores móveis com uma página de destino que não é responsiva.

Isso não fará nenhum favor a ninguém e provavelmente tornará a classificação na página 1 uma tarefa ainda mais complicada.

14. As pesquisas móveis por “onde comprar” cresceram 85% desde 2015 (Google)

Quer você venda pátios de jardim ou talheres de cozinha, você sempre deseja aparecer nas pesquisas “onde comprar”. Afinal, essas pessoas que pesquisam têm grande intenção comercial – estão muito perto de apertar o botão de compra e entregar o dinheiro.

No entanto, ao otimizar seu site para isso, não se esqueça de otimizar para celular.

Considerando o enorme crescimento nas pesquisas “onde comprar” em dispositivos móveis desde 2015, você deseja facilitar a compra dos visitantes:

  • Usando botões grandes e fáceis de clicar
  • Organizando a página de checkout
  • Habilitando login social
15. Listagens de empresas com site obtêm de 25 a 35% mais cliques (Google)

Eu tenho insistido sobre o valor de Google Meu Negócio listagens repetidas vezes, e essa estatística de SEO me apoia. É essencial preencher cada seção do seu anúncio se quiser aproveitá-lo ao máximo.

Pense nos motivos pelos quais clientes em potencial visualizam uma listagem de empresas. Pode ser para saber os horários de funcionamento, fazer uma ligação ou navegar pelos produtos em seu site.

Isso é impossível para eles se você não fornecer as informações de que precisam.

Portanto, examine sua ficha do Google Meu Negócio e verifique se cada campo está preenchido corretamente. Em seguida, teste se o link para o seu site está funcionando – e tenha a chance de ver mais de 25% mais cliques no seu site!

Estatísticas de SEO para celular

Com o número de pessoas mudando de desktops tradicionais para dispositivos móveis para usar mecanismos de pesquisa, aqui estão as estatísticas de SEO móvel que provam que esse pode ser o fenômeno de SEO mais recente:

Ler:  Preparando sua loja WooCommerce para as festas de fim de ano
16. 90% de todo o tráfego de pesquisa em celulares e tablets vem do Google (Participação líquida no mercado)

Bing e Yahoo! ainda são mecanismos de pesquisa populares, mas quando se trata de usar dispositivos móveis para fazer uma pesquisa, o Google é a plataforma preferida de mais de 90% dos pesquisadores.

Quer lucrar com isso?

Concentre-se em seguir o algoritmo do Google ao planejar sua estratégia de SEO móvel – especialmente quando se trata de PPC.

Você deseja direcionar esses visitantes móveis onde eles pesquisam, atribuindo assim uma grande parte de seus orçamentos de PPC ao Bing ou Yahoo! os anúncios podem ser uma perda de tempo (e dinheiro).

17. O celular é responsável por 52,2% de todo o tráfego da web (Estatista)

Já mencionei o fato de que o Google assume a liderança no tráfego de mecanismos de pesquisa para dispositivos móveis.

Mas eu queria dar um passo adiante com esta estatística, que prova que o uso da Internet móvel não é importante apenas para SEO – ele está dominando o mundo inteiro e sendo responsável por mais da metade de todo o tráfego global de sites:

Para os SEOs, isso prova a necessidade de SEO móvel mais do que nunca.

Com uma mudança tão dramática nos hábitos de internet móvel, não acompanhar os tempos pode fazer com que você fique para trás – e perca o número cada vez maior de usuários da internet que estão optando por dispositivos móveis.

Estatísticas de pesquisa por voz

Devo realmente me concentrar na pesquisa por voz?“é uma pergunta na mente de muitos SEOs.

A resposta não é tão clara quanto você pensa, mas vale a pena considerar estas estatísticas:

18. 16% dos americanos possuem um alto-falante inteligente (Edison Research e NPR)

Para fazer uma pesquisa por voz, você precisará de um dispositivo que permita fazer isso. Um desses dispositivos é um alto-falante inteligente – como Amazon Echo, Google Home ou Apple HomePod.

É verdade que os 16% dos americanos que possuem um alto-falante inteligente não representam uma parcela gigantesca de clientes em potencial, mas são uma parcela significativa do público em geral que poderia usar seu alto-falante inteligente para pesquisas por voz.

Pense nisso: o que você poderia fazer com um aumento de 16% no tráfego do seu site?

19. As pesquisas relacionadas com voz em dispositivos móveis têm três vezes mais probabilidade de serem baseadas no local do que as pesquisas relacionadas com texto (Observação do mecanismo de pesquisa)

Anteriormente, falei sobre o aumento de usuários móveis em busca de informações locais.

Agora combine isso com o fato de que as pesquisas relacionadas por voz têm muito mais probabilidade de procurar serviços locais, e há uma razão sólida pela qual você deveria tornar mais fácil para os pesquisadores de voz locais encontrarem sua empresa.

Dicas como:

  • Replicando a linguagem normal (ou seja, “onde fica o Costco mais próximo”) em seu site
  • Construir backlinks com o mesmo texto âncora de backlink (ou seja, “encontre minha loja de alimentos para animais de estimação mais próxima”)

Pronto para alimentar sua estratégia usando estatísticas de SEO que demonstram o poder de cada tática listada aqui?

Isso é uma ótima notícia: mal posso esperar para ver sua empresa aparecer em meus próprios resultados de pesquisa!

Apenas lembre-se de não se restringir a uma ideia de qual caminho você deve seguir.

Use uma combinação de conteúdo e estatísticas para construir uma estratégia que realmente valha a pena.

Novas publicações:

Recomendação