4 razões pelas quais o blog da sua empresa não está gerando resultados ideais (+ como consertar)

Um blog com baixo desempenho pode drenar recursos, como mão de obra e finanças, sem causar o impacto desejado. Isso pode prejudicar a visibilidade online, prejudicar a credibilidade do negócio e diminuir o envolvimento do cliente, ao mesmo tempo que reduz o ROI.

O baixo desempenho também pode prejudicar as classificações dos mecanismos de pesquisa, resultando em menos tráfego orgânico e vendas potenciais. Para alcançar o crescimento do negócio a longo prazo através do conteúdo, é crucial otimizar o seu blog.

A criação de conteúdo e o marketing são componentes críticos das campanhas de marketing, pois levam à geração de leads bem-sucedida e permitem que os profissionais de marketing gerem e cultivem leads de alta qualidade, mantendo os custos baixos.

Embora você possa gerenciar facilmente a parte do conteúdo de um blog de negócios, alguns fatores podem contribuir para resultados abaixo do ideal. Nesta postagem, veremos alguns dos principais motivos pelos quais um blog de negócios pode não ter um bom desempenho e como consertar isso.

Vamos começar!

#1. Falta de estratégia de conteúdo para um blog de negócios

É importante definir uma estratégia de conteúdo clara para o blog para garantir seu sucesso. Objetivos bem definidos para um blog ajudam a rastrear visitantes online, medir o sucesso, identificar pontos fracos e oportunidades e otimizá-los adequadamente.

Os blogs de negócios podem falhar se não tiverem conteúdo significativo e atraente. Cerca de 58% dos profissionais de marketing enfatizam a criação de conteúdo escrito original. Além disso, o Google define uma postagem proposital como “conteúdo original que agrega valor aos usuários”.

A falta de estratégia de conteúdo pode ter as seguintes repercussões:

  1. Mensagens inconsistentes: Ter uma estratégia de conteúdo para um blog de negócios ajuda a identificar tópicos e temas para artigos. Isso leva à clareza entre os leitores e é um passo adiante na criação de uma identidade de marca coesa.
  2. Má qualidade de conteúdo: A falta de estratégia de conteúdo geralmente resulta em conteúdo de baixa qualidade porque é necessário haver uma orientação clara sobre os padrões e expectativas para cada postagem do blog. E isso vem de uma estratégia de conteúdo bem elaborada que estabelece formato do conteúdo, brevidade, legibilidade básica, etc.
  3. Alocação ineficiente de recursos: Uma clara falta de estratégia de conteúdo torna difícil alocar recursos de forma eficaz. Isso desperdiça tempo, esforço e orçamento na criação de conteúdo para um blog de negócios que se alinhe com objetivos maiores.
Ler:  Como construir uma audiência no Instagram com 4 dicas comprovadas

Como corrigi-lo?

  • Comece compartilhando conteúdo que corresponda às expectativas do seu público. Garanta a criação de conteúdo que satisfaça os diferentes propósitos de envolvimento do público, construa o reconhecimento da marca e impulsione o crescimento dos negócios. Considere criar conexões significativas e agregar valor atendendo às diversas necessidades do público para promovê-los, educá-los, inspirá-los e entretê-los.
  • Defina objetivos claros para o seu blog de negócios. Isso inclui aumentar o conhecimento da marca, gerar leads ou fornecer recursos valiosos ao cliente.
  • Planeje tópicos e formatos de conteúdo com base nesses objetivos. Crie uma lista de tópicos e formatos de conteúdo que despertem o interesse do leitor e ao mesmo tempo ajudem você a atingir os objetivos de negócios.
  • Por último, crie um calendário editorial com um cronograma de publicação para impulsionar a consistência das postagens e permitir a alocação eficiente de recursos.

#2. Sem consistência na postagem do conteúdo

Um blog de negócios de sucesso requer publicação consistente de conteúdo relevante e útil. Freqüentemente, isso requer vários redatores trabalhando em tópicos diferentes e entregando conteúdo de acordo com o cronograma. Aqui, a equipe de edição também deve permanecer ativa para garantir a produção regular de conteúdo de qualidade.

Seu público espera conteúdo novo regularmente, e mecanismos de pesquisa como o Google monitoram a atividade do site para garantir que o blog permaneça ativo.

Conteúdo desatualizado pode impactar negativamente a classificação do seu site no mecanismo de pesquisa e reduzir o tráfego do blog. Evite isso seguindo um cronograma de publicação que permite que seus leitores saibam quando esperar novas postagens.

Nesse caso, hospedar um blog de negócios no WordPress é benéfico, pois oferece diversos plug-ins para publicação programada. Você pode se beneficiar de um Plug-in de colaboração WordPress isso ajuda a agilizar o processo com edição mais rápida e vários autores trabalhando em um único documento. Isso garante que todos, do redator ao editor, continuem comprometidos com uma publicação de conteúdo mais rápida e de qualidade.

Consistência é fundamental, e é melhor postar uma vez por semana, duas vezes por mês ou três vezes por mês, em vez de aumentar o número de entradas no blog.

Aqui estão algumas maneiras rápidas de corrigir a consistência das postagens do blog:

  1. Crie um calendário de conteúdo que ajude a estabelecer uma programação de postagem com base em tópicos e prazos definidos. Isso pode ajudar a manter um fluxo constante de conteúdo e mantê-lo organizado.
  2. Aproveite temas e categorias de conteúdo relacionados ao seu nicho que podem inspirar várias postagens no blog. Isso pode ajudá-lo a gerar ideias e manter a consistência no desenvolvimento e publicação de um conjunto específico de conteúdo.
  3. Defina lembretes, prazos e notificações usando ferramentas de gerenciamento de projetos. Isso ajuda a acompanhar seu calendário de conteúdo e garantir o cumprimento dos prazos de publicação.
  4. Defina funções e responsabilidades para todos nas equipes de conteúdo. Quando mais de um autor trabalha no conteúdo, use a colaboração de conteúdo. Isso pode acelerar o processo de criação de conteúdo.
  5. Desenvolva uma rotina que ajude a estabelecer uma rotina de escrita adequada à sua programação e preferências. A consistência em seus hábitos de escrita pode ajudar a garantir que você sempre tenha conteúdo pronto para ser publicado.
Ler:  Limpe seus dados de CRM: o que fazer e como consertar Como fazer

#3. Sem foco no público-alvo

Os blogs de negócios geralmente usam uma determinada linguagem ou formato ou desenvolvem tópicos complexos que são difíceis de serem compreendidos pelo público em geral. Lembre-se de que o conteúdo não é para pares do setor, especialmente o conteúdo do topo do funil. Portanto, deve ser simples de entender, abordar os pontos fracos dos clientes e agregar valor aos seus negócios.

Um blog de negócios com baixo desempenho resulta da falha em identificar o público certo, onde você pode obter o tráfego, mas não as conversões. O motivo é que muitas pessoas desinteressadas estão conferindo seu conteúdo, mas não entendem o que você oferece. Ter tráfego só vale a pena se ele se transformar em visitas repetidas.

Quando não há foco em um público-alvo durante a criação de um blog de negócios, diversas consequências negativas podem surgir.

Aqui estão algumas desvantagens de ignorar o público-alvo de um blog de negócios.

  1. Engajamento diminuído: Primeiro, se o conteúdo não conectar os leitores, o engajamento certamente diminuirá. E por causa disso, haverá menos curtidas, comentários e compartilhamento de conteúdo. Além disso, como eles não assinam o seu conteúdo, isso atrapalha o crescimento do blog de negócios.
  2. Dificuldade em construir um público fiel: Em segundo lugar, para que o público retorne com frequência, você deve adaptá-lo a ele. Construir seguidores leais sem criar conteúdo para o público-alvo torna-se difícil porque um público fiel provavelmente se tornará clientes e defensores do negócio que traz mais tráfego orgânico.
  3. Dificuldade em medir o sucesso: Em seguida, um público-alvo claro torna mais fácil definir metas, acompanhar métricas e medir o sucesso do blog. Isto torna difícil otimizar o conteúdo, identificar áreas de melhoria e alocar recursos de forma eficaz.
  4. Desempenho de SEO prejudicado: Por último, você deve reconhecer o SEO, que é fundamental para direcionar tráfego orgânico para um blog de negócios. Não adaptar o conteúdo ao público-alvo pode ser um desafio para identificar e direcionar palavras-chave relevantes, levando a classificações ruins nos mecanismos de pesquisa e visibilidade reduzida.

Superar esse problema requer definir o mercado-alvo do seu conteúdo. Isso significa que você precisará criar personas de pessoas que consumirão seu conteúdo. Você deve atender às necessidades, preferências e interesses do público-alvo.

Ler:  Um guia passo a passo sobre como criar um grupo no Facebook em 2024

Vamos explorar algumas dicas para corrigir esse problema.

Como resolver o problema do público-alvo em um blog de negócios?

  • Realize pesquisas de público: Um blog de negócios exige pesquisar o público-alvo para entender seus dados demográficos, preferências, necessidades e pontos fracos. Além de pesquisas, tendências de mercado e análise de conteúdo de concorrentes, comece a aproveitar dados de análise da web para coletar insights.
  • Desenvolva personas do público: Em seguida, pesquise para criar personas de público que representem seus clientes ideais.

Essas personas devem detalhar sua idade, ocupação, interesses, desafios e motivações. Use essas personas para orientar seu processo de criação de conteúdo e garantir que ele esteja alinhado às preferências e necessidades do seu público.

  • Crie conteúdo relevante e valioso: Concentre-se em produzir conteúdo que atenda aos interesses do seu público-alvo e resolva seus problemas. Por exemplo, pode incluir artigos de instruções, estudos de caso, notícias do setor ou artigos de opinião que oferecem valor aos seus leitores-alvo, incentivando-os a se envolverem de forma significativa.
  • Otimize o conteúdo para o seu público: Adapte a linguagem, o tom e o estilo do seu conteúdo para agradar seu público-alvo. Evite jargões ou linguagem complexa se o seu público preferir um tom casual e coloquial. Da mesma forma, certifique-se de que o formato do seu conteúdo, como texto, vídeo ou infográfico, atenda às preferências de consumo do seu público.

#4. Criação de conteúdo voltado para a parte errada do funil

Um blog de negócios se concentra na criação de conteúdo para leitores em cada estágio de sua jornada de compra, desde conteúdo educacional e informativo até casos de uso específicos de produtos. À medida que o público avança no funil de vendas, o conteúdo voltado para a conversão é necessário para impulsionar o engajamento.

Criar conteúdo na parte certa do funil de vendas pode impactar positivamente um negócio. Por exemplo, um CTA orientado para a compra seria comum para conteúdo do fundo do funil. Mas a maioria dos compradores não está pronta para comprar quando entra no funil (no topo).

Portanto, deixar de fornecer valor e um motivo para comprar no topo e no meio do funil e, em vez disso, focar na venda pode falhar no conteúdo. Causa conteúdo irrelevante, maiores taxas de rejeição e menores taxas de conversão.

O conteúdo do blog será baseado principalmente em um estágio específico da jornada do comprador:

  1. Conteúdo do topo do funil (ToFu): Ele foi projetado para atrair novos públicos, educá-los e despertar seu interesse. Inclui postagens em blogs, postagens em mídias sociais, infográficos e vídeos abordando um tópico geral de negócios.
  2. Conteúdo do meio do funil (MoFu): Esse conteúdo se concentra em nutrir leads e orientá-los no funil de vendas. O conteúdo do MoFU inclui e-books, webinars e estudos de caso que fornecem informações mais detalhadas sobre a marca.
  3. Conteúdo do fundo do funil (BoFu): Esse tipo de conteúdo tem como objetivo fechar o negócio, dando-lhes confiança para comprar. Inclui demonstrações de produtos, avaliações gratuitas, consultas e outros tipos de conteúdo que ajudam o público a tomar uma decisão de compra.
Ler:  Como criar conteúdo modular (com exemplos)

Como corrigir problemas baseados em funil para conteúdo de blogs de negócios?

Cada etapa do funil de conteúdo terá um conteúdo mais focado, que pode ter um volume de pesquisa menor, mas é altamente impactante na construção do seu nicho. Uma abordagem ideal é direcionar leitores em diferentes estágios do funil de conteúdo.

Crie conteúdo que atenda às necessidades e interesses exclusivos dos indivíduos em cada estágio do funil de marketing de conteúdo:

  1. Estágio de conscientização: Considere criar reconhecimento para sua marca ou assunto. Crie conteúdo informativo que aborde pontos problemáticos ou questões comuns. Por exemplo, esta etapa terá postagens em blogs, artigos, infográficos e conteúdo de mídia social para aumentar a conscientização.
  2. Estágio de consideração: Em seguida, você precisará criar conteúdo para leitores que buscam ativamente soluções para seus problemas e comparam opções. Esse conteúdo deve mostrar sua experiência no assunto e estabelecer-se como um líder inovador. Considere a criação de guias detalhados, white papers, estudos de caso, webinars e artigos comparativos destacando seus argumentos de venda exclusivos.
  3. Estágio de decisão: Os leitores estão perto de comprar nesta fase. Portanto, crie conteúdos para reforçar a decisão deles, persuadindo-os a escolher o seu produto ou serviço. Isso pode incluir demonstrações de produtos, depoimentos de clientes, análises, consultas personalizadas e perguntas frequentes detalhadas.
  4. Estágio de retenção: Por último, retenha um público compartilhando dicas úteis de produtos no blog. Inclua insights do setor ou conteúdo educacional que atenda às suas necessidades. Considere compartilhar depoimentos de clientes ou estudos de caso destacando experiências positivas dos clientes que reforçam o valor de seus produtos ou serviços. Além disso, você pode mantê-los informados sobre melhorias de produtos, novos serviços ou novidades da empresa.

Para você

As empresas que pretendem obter os melhores resultados através de blogs devem evitar os gargalos mencionados acima. Mas se você se identifica com algum dos erros acima, compartilhamos soluções para ajudá-lo a se recuperar e envolver efetivamente seu público-alvo.

Além de considerar as táticas compartilhadas neste post, lembre-se de monitorar o desempenho do seu blog em intervalos regulares. Gerenciar um blog de negócios de sucesso é um processo contínuo de monitoramento de desempenho, identificação de áreas de melhoria e otimização de conteúdo para satisfazer leitores e mecanismos de pesquisa.

Novas publicações:

Recomendação