Análise pós-Black Friday: transforme dados em sucesso futuro

A Black Friday é um dos maiores eventos do ano para muitos profissionais de marketing e é fácil perceber porquê. Desde o aumento do reconhecimento da marca e oportunidades de engajamento até a aquisição de clientes e o aumento do ROI, as campanhas da Black Friday podem ter um impacto significativo em seus negócios.

Mas assim que a poeira baixar após o frenesi da Black Friday, surge uma fase crucial que muitas vezes separa os profissionais de marketing de sucesso dos demais – a análise pós-campanha. Além do aumento imediato nas vendas, compreender as complexidades do que funcionou e do que não funcionou é crucial para o sucesso sustentado. Neste blog, aprofundaremos a importância da análise pós-Black Friday e exploraremos como os profissionais de marketing podem aproveitar os dados para refinar suas estratégias para o sucesso futuro.

Uma rápida história da Black Friday

As origens da Black Friday estão na Filadélfia, onde foi cunhada para descrever o caos no trânsito pós-Ação de Graças. As empresas, no entanto, viram uma oportunidade de inverter a narrativa, marcando o dia em que os seus livros financeiros passaram de “vermelho” para “preto”. Nas décadas de 1970 e 1980, tornou-se um evento nacional nos Estados Unidos. Caracterizado pela abertura de lojas no início da manhã, o dia tornou-se um dia de vendas e descontos para muitos grandes varejistas.

Com o passar dos anos, a Black Friday evoluiu para uma oportunidade estratégica de marketing. Na década de 2000, a Black Friday expandiu-se de um único dia para um evento de fim de semana. É aqui que vemos a introdução do Small Business Saturday e da Cyber ​​​​Monday para acomodar diversas preferências dos consumidores.

Ler:  Como a análise preditiva está revolucionando as campanhas de marketing

Hoje, a Black Friday é um fenômeno cultural que se espalhou para além dos EUA, para muitos países ao redor do mundo. Porém, muito do seu impacto é sentido online. Em 2.022 compradores online gastaram US$ 19,2 bilhões na Black Friday, alta de 2,3% em relação a 2021.

Com esse aumento na presença digital, nunca foi tão importante medir o desempenho das campanhas da Black Friday. É por isso que os dados e a sua análise são tão cruciais.

O que fazer antes da Black Friday

A chave para qualquer análise bem-sucedida de uma campanha é garantir que você se preparou adequadamente. Você não pode analisar dados que não possui, portanto, tenha em mente o seguinte ao planejar suas campanhas.

  • Defina objetivos e metas claros: Defina claramente os principais objetivos, como metas de vendas, metas de aquisição de clientes ou eficácia da promoção.
  • Defina seus principais indicadores de desempenho (KPIs): Identifique os KPIs que se alinham aos seus objetivos, como taxas de conversão, valor médio do pedido, métricas de envolvimento do cliente e tráfego do site.
  • Implementar sistemas de rastreamento: Isso não precisa ser complexo – pense no código de rastreamento do Google Analytics, UTMs, etc. E certifique-se de testar o rastreamento de qualquer campanha que você configurar.
  • Desenvolva uma estratégia de marketing abrangente: planeje um estratégia de marketing multicanal, incluindo plataformas online, mídias sociais, marketing por e-mail e promoções na loja. Crie conteúdo atraente e materiais promocionais adaptados ao seu público-alvo.
  • Colaborar: Promova a colaboração entre equipes de marketing, vendas, suporte ao cliente e TI. Garanta canais de comunicação claros e alinhamento com os objetivos e estratégias da campanha.
  • Planeje a coleta e análise de dados: Desenvolva um plano abrangente para coleta de dados durante a campanha da Black Friday. Descrever os métodos e ferramentas de análise que serão utilizados na avaliação pós-campanha.
Ler:  5 ferramentas espetaculares de análise do Twitter para auditoria rápida de perfil

Principais métricas para avaliação pós-Black Friday

Conforme mencionado acima, uma das partes mais importantes de qualquer avaliação bem-sucedida da Black Friday é a KPIs. Essas métricas fornecem uma visão granular de diferentes aspectos de sua campanha e das interações com o cliente.

Métricas de desempenho de vendas

  • Vendas totais: Avalie os números gerais de vendas durante o período da Black Friday em comparação com benchmarks anteriores.
  • Vendas específicas de produtos: identifique os produtos e categorias de melhor desempenho.
  • Taxas de conversão: analise a porcentagem de visitantes do site que realizaram uma compra.

Métricas de envolvimento do cliente

  • Tráfego do site: examine o aumento ou diminuição nas visitas ao site durante a campanha.
  • Alcance nas redes sociais: meça o alcance e o envolvimento de suas postagens nas redes sociais relacionadas à Black Friday.
  • Taxas de abertura e cliques de e-mail: avalie a eficácia de suas campanhas de e-mail.

Métricas operacionais

  • Taxa de abandono de checkout: identifique a porcentagem de usuários que adicionaram itens ao carrinho, mas não concluíram a compra.
  • Tempo de atividade do site: certifique-se de que seu site permaneça operacional sem tempo de inatividade significativo.

Métricas de satisfação do cliente

  • Taxas de devolução: Avalie o número de devoluções pós-Black Friday.
  • Feedback e avaliações dos clientes: colete feedback dos clientes e analise as plataformas para avaliar a satisfação.
Ler:  O papel do suporte de TI na garantia da segurança e conformidade dos dados

Ferramentas para coleta e análise de dados eficazes

Depois de compreender as métricas críticas, a próxima etapa é aproveitar ferramentas que facilitem a coleta e análise contínua de dados. Existem várias opções aqui, e isso dependerá da sua pilha de tecnologia, mas aqui estão algumas opções que fornecerão um bom ponto de partida.

Google Analytics
GA fornece uma visão geral do desempenho do seu site. Você rastreia tudo, desde o tráfego até as conversões, se configurar corretamente. Embora possa ser um pouco complexo inicialmente, é uma ferramenta gratuita com excelente documentação e oportunidades de treinamento.

Análise de CRM
A maioria das ferramentas de gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRMs) vem com funcionalidade de análise integrada. Por exemplo, o HubSpot possui opções abrangentes de relatórios. Isso permitirá que você acompanhe seu progresso no nível do contato, bem como no nível da campanha, para ver de onde vêm os clientes mais valiosos.

Ferramentas do painel
Um dos aspectos mais frustrantes da análise pós-campanha é que os dados muitas vezes podem ser mantidos em diferentes aplicativos e plataformas, o que pode consumir muito tempo para gerenciar. Embora você possa ter dados de clientes em seu CRM, os dados de sua campanha de mídia social podem estar disponíveis apenas no próprio aplicativo de mídia social. Ferramentas de painel, como Looker, permitem que você reúna todos os seus dados em um só lugar. Você pode personalizar seus painéis de acordo com sua preferência – acompanhar por canal, campanha ou até mesmo postagem.

Ler:  Um guia de 6 etapas para criar um planejador de mídia social (modelo gratuito)

Refinando estratégias para campanhas futuras

Então você tomou todas as medidas corretas e agora tem uma riqueza de dados à sua disposição. A etapa final é traduzir os insights em estratégias viáveis ​​para campanhas futuras. Mas como você faz isso?


Identifique padrões de sucesso
Preferência de produto: Identifique padrões nas preferências do cliente para adaptar futuras ofertas de produtos.

Canais de marketing eficazes: quais são os canais que geraram o maior engajamento e conversões?

Enfrente os desafios de forma proativa
Otimização do processo de checkout: se o abandono do checkout for um problema, otimize o processo para transações mais tranquilas.

Melhoria do atendimento ao cliente: Aborde quaisquer desafios destacados no feedback do cliente para melhorar o serviço.

Personalização e segmentação
Ofertas personalizadas: use os dados do cliente para criar ofertas personalizadas para campanhas futuras.

Marketing segmentado: refine os segmentos de público com base nos insights da Black Friday para um marketing mais direcionado.

No cenário em constante evolução do marketing, a análise pós-campanha não é apenas uma retrospectiva; é uma base para o sucesso futuro. Com insights baseados em dados de sua campanha da Black Friday, você tem as ferramentas para refinar estratégias, aprimorar as experiências do cliente e impulsionar seus esforços de marketing a novos patamares. À medida que a próxima Black Friday se aproxima, as lições aprendidas este ano serão os trampolins para um futuro de maior sucesso.

Novas publicações:

Recomendação