Como usar tecnologia imersiva (AR, VR e MR) para vender produtos

Desde a pandemia COVID-19, a forma como interagimos com as marcas e o comércio mudou completamente. Embora as compras físicas já estivessem em declínio, a pandemia acelerou enormemente o seu cronograma. Os consumidores não querem mais ir à loja como antes; shoppings e centros comerciais não são vistos como locais de reunião comunitária, mas como relíquias do passado.

Como resultado, as marcas procuram novas formas de interagir com os consumidores e apresentar os seus produtos de uma forma que lhes permita ser vistos, tocados e envolvidos como nunca antes.

O que é Realidade Aumentada?

Realidade aumentada (AR) refere-se à tecnologia imersiva que aprimora o mundo real ao sobrepor conteúdo digital, como imagens, vídeos ou objetos 3D, à visão do usuário do ambiente físico. Geralmente é experimentado por meio de dispositivos móveis, óculos inteligentes ou fones de ouvido. A tecnologia AR utiliza visão computacional, rastreamento de profundidade e entrada sensorial para combinar perfeitamente os mundos virtual e real, permitindo que os usuários interajam com objetos virtuais como se fossem parte do mundo físico.

Uma das principais vantagens da AR é a capacidade de fornecer aos usuários uma experiência imersiva e interativa. Ele aprimora o aprendizado, o treinamento e o entretenimento, oferecendo informações em tempo real, orientação contextual e simulações virtuais. A AR também tem aplicações práticas em vários setores, incluindo saúde, arquitetura, varejo e manufatura, permitindo melhor visualização, maior produtividade e fluxos de trabalho mais eficientes.

AR/VR/RM

AR não é a primeira tecnologia imersiva a entrar em cena, há também realidade virtual (VR) e realidade mista (MR). Antes de prosseguirmos, é importante entender as diferenças entre os três.

Ler:  14 melhores ferramentas de agendamento de mídia social para criadores de conteúdo (2024)

Realidade virtual

A realidade virtual (VR) é uma tecnologia imersiva em que um mundo virtual substitui toda a experiência do usuário. Isso pode ser feito por meio de imagens geradas por computador ou por meio de vídeo em 360 graus. A VR permite aos usuários explorar e manipular objetos virtuais, interagir com personagens virtuais e experimentar uma sensação intensificada de presença e imersão que vai além da mídia tradicional.

Realidade Mista

A realidade mista (MR) combina elementos de VR e AR para criar uma mistura perfeita dos mundos virtual e real. Em experiências de realidade mista, os usuários podem interagir com o conteúdo digital enquanto ainda estão conscientes e são capazes de interagir com seu ambiente físico. A MR consegue isso utilizando sensores avançados, câmeras e mapeamento espacial para rastrear com precisão o entorno do usuário e posicionar objetos virtuais nesse espaço. Isso permite uma experiência mais imersiva e interativa, onde os objetos virtuais podem aparecer como se existissem no mundo real e interagir com objetos ou superfícies físicas.

Apple Visão Pro

Em um passo impressionante em direção ao futuro da tecnologia imersiva, o tão aguardado headset Vision Pro da Apple será finalmente umdisponível para encomenda em 19 de janeiro com unidades disponíveis para todos os demais em 2 de fevereiro. Equipado com recursos avançados de AR e VR, este dispositivo permite que os usuários combinem perfeitamente o conteúdo digital com seu ambiente físico. Ao combinar recursos de ponta e especificações incomparáveis, a Apple está preparada para revolucionar a forma como percebemos e interagimos com conteúdo envolvente. Seja explorando mundos virtuais, participando de simulações educacionais interativas ou simplesmente desfrutando de entretenimento envolvente, o headset Vision Pro leva essas experiências a novos patamares.

Como esperado da Apple, o Vision Pro integra-se perfeitamente ao ecossistema Apple. Os usuários podem aproveitar o poder do Siri, o assistente inteligente da Apple, para navegar e controlar suas experiências virtuais com comandos de voz. O dispositivo também se conecta facilmente a outros dispositivos Apple, expandindo sua funcionalidade e melhorando as experiências entre plataformas. Embora o dispositivo venha com um preço elevado de US$ 3.499, o Vision Pro busca redefinir o mercado de headsets de realidade mista, destacando-se como uma opção top de mercado quando comparado com outras marcas.

Ler:  Os 10 melhores criadores de páginas de destino para pequenas e médias empresas em 2024

Outras marcas e produtos de tecnologia imersiva

Apesar do entusiasmo em torno do Vision Pro, muitas pessoas apontam que ele foi desenvolvido com base em tecnologia pré-existente. Neste cenário dinâmico, existem marcas que já emergiram como líderes ao longo dos anos, oferecendo produtos inovadores que redefinem as nossas experiências digitais. Duas dessas principais marcas e produtos incluem:

Oculus (propriedade do Facebook): Oculus é uma marca líder no setor de VR. Seu principal produto, o Oculus Quest 2, atraiu atenção e aclamação significativas. Este headset VR autônomo oferece liberdade sem fio e uma tela de alta resolução para uma experiência visual envolvente. Com sensores e controladores integrados, o Oculus Quest 2 permite aos usuários interagir com ambientes virtuais e jogos, transportando-os para novos domínios de entretenimento e exploração.

HoloLens da Microsoft: O Microsoft HoloLens é pioneiro no campo de RM, combinando perfeitamente os mundos físico e virtual. O HoloLens 2 é o principal produto da Microsoft. Possui um design confortável e ergonômico com um campo de visão aprimorado, permitindo aos usuários sobrepor conteúdo holográfico em seu ambiente do mundo real. O HoloLens 2 é amplamente utilizado para aplicações empresariais, oferecendo soluções para setores como manufatura, arquitetura e saúde, onde os usuários podem visualizar e manipular conteúdo digital em seu espaço de trabalho físico.

A tecnologia imersiva encontra o comércio eletrônico

Mas como a tecnologia imersiva pode ser útil para as marcas em 2024 e além? Esta tecnologia faz sentido para os consumidores que podem estar céticos em experimentá-la? Aqui estão algumas maneiras pelas quais as empresas de comércio eletrônico podem começar a apresentar tecnologias AR, VR e MR aos consumidores de maneiras práticas e aplicáveis.

Ler:  Aproveitando o poder do marketing digital na saúde

Colocando produtos na sala

Uma das maneiras mais imediatas pelas quais as marcas podem começar a implementar tecnologia imersiva é colocando os produtos nas mãos dos consumidores. Muitas vezes, os clientes ficam imaginando como seriam os produtos em suas casas ou apartamentos e, antes de realmente comprá-los, ficam na dúvida.

Veja os móveis, por exemplo.

Usando a tecnologia AR, os fabricantes de móveis podem permitir que os clientes coloquem digitalmente seus produtos em suas casas para ver como ficarão em relação ao tamanho, design e cor. Isso pode permitir que os clientes economizem no envio, na entrega e na frustração, pois normalmente teriam que adivinhar que tipo de mobília funcionaria melhor no ambiente.

Experimentando roupas

Ao desenvolver aplicações de AR ou experiências de VR, as marcas podem permitir que os clientes visualizem como as roupas ficariam e caberiam em si mesmas, melhorando a experiência de compra online. Essas tecnologias imersivas permitem que os usuários “experimentem” virtualmente roupas diferentes, explorem vários estilos e até personalizem seus avatares virtuais para se assemelharem ao formato do seu próprio corpo. Esta abordagem não só aumenta o envolvimento e a confiança do cliente nas suas compras, mas também reduz a necessidade de experimentações físicas e devoluções, melhorando, em última análise, a satisfação do cliente e a eficiência operacional das marcas de moda.

Personalize a experiência da marca

Uma das coisas mais legais sobre a tecnologia imersiva é a capacidade de ocultar suas capacidades à vista de todos. Usando a câmera de um smartphone, você pode transformar quase tudo em uma experiência 3D; toneladas de marcas estão agora usando embalagens 3D que ganham vida quando visualizadas através de um smartphone.

Ler:  Como encontrar a localização pelo número de telefone – um guia completo

Por exemplo, Jack Daniels criaram uma experiência incrível de AR usando apenas o rótulo do frasco, que pode ser visualizado em qualquer smartphone. AR cria uma oportunidade em que qualquer superfície, design ou foto pode ser elevada, tornando as oportunidades verdadeiramente infinitas.

Marcas que usam tecnologia imersiva

Sephora

A Sephora usa AR há vários anos para permitir que seus clientes experimentem vários estilos de maquiagem. Você pode aplicar dinamicamente centenas de estilos diferentes de batom, sombra, base e muito mais. A marca de beleza L’oréal relataram recentemente que a tecnologia AR que oferece maquiagem digital pode aumentar as vendas em 27-34 por cento.

Carrinho de lentes

Lens Cart é uma empresa de óculos que permite experimentar dinamicamente diferentes estilos de óculos por meio de seu aplicativo AR. Depois de escanear seu rosto, você poderá começar a receber dicas sobre seu estilo de óculos com base nos guias de estilo especializados.

Ikea

O aplicativo IkeaAssemble AR apresenta todas as peças e peças que você precisa para montar seu produto Ikea e, em seguida, ajuda a construí-lo. Conforme você avança, o aplicativo irá acompanhá-lo e ajudá-lo caso você erre.

Conclusão

A tecnologia imersiva pode ajudar o comércio eletrônico e as marcas de produtos a darem o salto de lojas físicas para totalmente digitais. Os clientes desejam experimentar seus produtos e tê-los em mãos antes de comprar. É a natureza humana. No entanto, ao poder colocar digitalmente os seus produtos nas suas casas, nos seus corpos ou nos seus mundos, você tem uma chance muito maior de fazer com que eles confiem em você e façam uma compra.

Novas publicações:

Recomendação