Gere mais tráfego para seu site: habilite o Memcached no WordPress

À medida que você atrai mais tráfego para o seu site WordPress, as páginas carregam gradualmente mais lentamente – é natural.

Seu servidor de hospedagem está lidando com mais e mais solicitações ao mesmo tempo. Todo o seu site pode travar à medida que os visitantes baixam, comentam e enviam arquivos coletivamente simultaneamente.

É aqui que os proprietários de sites podem pensar: “É hora de atualizar minha rede de distribuição de conteúdo (CDN)”. Isso pode ajudar, mas tem um preço – literalmente. Por outro lado, o cache é uma forma de aumentar a velocidade do seu site sem comprar mais largura de banda.

É aí que entra o Memcached: ele usa a memória do servidor para acelerar o seu site. Dessa forma, os usuários podem acessá-lo sob demanda – quase instantaneamente – em velocidades reduzidas de carregamento de página.

Junte-se a nós enquanto exploramos o uso do Memcached no WordPress, como ele funciona, seus benefícios e como instalá-lo em seu servidor.

Aqui está exatamente o que você aprenderá:

O que é Memcached?

Memcached é um sistema de cache de memória de alto desempenho e fácil de usar que acelera aplicativos da web dinâmicos.

Brad Fitzpatrick desenvolveu esta solução de código aberto para seu site, LiveJournal. Neste ponto, o Memcached é usado entre os sites, aplicativos móveis, jogos e plataformas de comércio eletrônico mais populares.

Embora possa ser usado como uma solução independente, o Memcached normalmente funciona junto com:

  • PHP
  • Django (Python)
  • Ruby nos trilhos
  • MongoDB
  • MySQL
  • PostgreSQL

Ao usar o WordPress com Memcached, os visitantes do seu site desfrutarão de tempos de resposta extremamente rápidos.

Ler:  Receita e diversidade de tráfego são cruciais para editores de WordPress

Como? Memcached permite que seu servidor host salve dados usados ​​com frequência. Da próxima vez que os dados forem necessários, o servidor não precisará solicitá-los a um banco de dados ou pesquisar unidades de disco.

O cache de objetos Memcached pode armazenar apenas um número inteiro ou uma página HTML completa em sua RAM.

E se você ficar sem espaço? O Memcached substituirá os dados que ficaram mais tempo sem serem usados.

Tudo isso parece bom, mas antes de habilitar o Memcached para WordPress, você deve saber um pouco mais sobre o programa.

Como funciona o Memcached?

O Memcached armazena dados usados ​​com frequência na RAM do seu servidor, o que é mais fácil de acessar do que solicitar informações do seu banco de dados. Um aplicativo pode acessar os dados em microssegundos, em vez de segundos, já que não há necessidade de se comunicar com um banco de dados, pesquisar uma unidade de disco e transferir as informações.

Isso reduz o tempo que leva para seu site responder à interface de planejamento de aplicativos (API) e às chamadas de banco de dados e renderizar páginas.

Então, como isso funciona? Aqui está uma visão geral básica:

  1. Um aplicativo (por exemplo, uma página da Web) envia uma solicitação de dados ao servidor Memcached usando uma chave exclusiva para identificar os dados necessários.
  2. Assim que recebe a solicitação, o Memcached acessa o cache RAM para verificar se os dados solicitados já estão armazenados lá. Se estiver, o Memcached entrega os dados. Missão cumprida.
  3. Digamos que os dados não estejam lá. Nesse caso, o Memcached acessa seu banco de dados no back end do site, recupera as informações e as armazena na memória. Ele também exibe as informações que você solicitou.

Caso o aplicativo solicite os mesmos dados no futuro, o serviço Memcached irá recuperá-los da memória e não do banco de dados.

No entanto, esses dados não são armazenados permanentemente na RAM. O Memcached atribui uma data de validade, removendo-o automaticamente da memória e criando espaço para uso futuro.

Usar o WordPress com Memcached funciona dessa forma para diminuir a carga nos bancos de dados back-end, o que resulta em um site mais rápido, eficiente e escalonável para você e seu público.

Ler:  Adicionando conteúdo ao seu site Drupal 8

Os benefícios de usar o Memcached em um site WordPress

Há muitos motivos pelos quais você deseja habilitar o Memcached em seu site WordPress. Vamos explorá-los abaixo.

Memcached reduz tempos de resposta para microssegundos

Os dados na memória não precisam fazer várias viagens de ida e volta ao banco de dados e voltar ao aplicativo. Isso reduz o tempo necessário para recuperar dados, resultando em velocidades extremamente rápidas que melhoram o desempenho do aplicativo e a experiência do usuário.

Isso por si só é suficiente para muitas pessoas iniciarem a configuração do WordPress Memcached. Imagine tempos de resposta medidos em milionésimos de segundo.

Memcached é flexível

Você pode usar o WordPress com Memcached para lidar com diferentes tipos de dados, incluindo estruturas de dados simples como números inteiros e strings. Ele também pode lidar com matrizes e objetos como documentos, imagens e vídeos.

Obtenha hospedagem WordPress totalmente gerenciada

Potencialize seu site com a hospedagem WordPress mais otimizada do setor

Memcached é fácil de usar

Memcached foi projetado para ser versátil e fácil de usar. Memcached também é de código aberto e compatível com muitas linguagens de programação, incluindo Java, PHP, C, C++, C#, Python e Go. Várias linguagens de banco de dados também oferecem suporte, incluindo MongoDB e MySQL.

Memcached é escalável

Memcached usa arquitetura multithread, que permite executar várias tarefas dentro de um único processo ao mesmo tempo. Por causa disso, você pode escalá-lo entre servidores para lidar com altos níveis de tráfego. Quando seu público crescer, aumente adicionando nós à estrutura de nós existente.

Você pode até usar processadores de vários núcleos em um único nó para aumentar sua capacidade computacional, o que leva a um desempenho mais rápido e estável.

Memcached reduz a carga do banco de dados

Usar o WordPress com Memcached reduz o número de consultas ao banco de dados que seu servidor host precisa enviar para recuperar informações do banco de dados. Isso significa que o banco de dados está lidando com menos solicitações por vez — portanto, quaisquer solicitações que precisem ser processadas serão tratadas mais rapidamente.

Ler:  Qual é a melhor hora para postar no Instagram?

Também é menos provável que seu servidor fique sobrecarregado. Isso minimiza o risco de seu site ficar offline devido ao tempo de inatividade do servidor.

Memcached tem uma comunidade enorme e de apoio

Memcached tem uma enorme comunidade apoiando seu projeto de código aberto, então você sempre pode encontrar assistência quando necessário. O Memcached depende de padrões abertos e suporta formatos de dados abertos — isso é possível graças ao apoio vibrante da comunidade.

Memcached é econômico

Ao usar o WordPress com Memcached habilitado, você evita planos de hospedagem mais caros e atualizações de hardware que sua empresa ainda não precisa. Usar o Memcached otimiza o desempenho do seu site pela necessidade de comprar mais processadores e largura de banda.

Benchmark antes da configuração do WordPress Memcached

Ao ativar o Memcached para WordPress, o objetivo é melhorar as consultas lentas ao banco de dados para ajudar no desempenho geral do site.

Isso levanta a questão: qual é o desempenho exato do seu site atualmente? É uma boa ideia anotar sua posição atual antes de iniciar o processo de configuração.

Existem muitas ferramentas que você pode usar para monitorar a velocidade do seu site. do Google Informações do PageSpeed é um excelente lugar para começar.

Para testar seu site, vá para a página inicial do PageSpeed ​​​​Insights, insira seu URL na caixa de pesquisa e clique em Analisar para obter seus resultados.

Debaixo de Diagnosticar problemas de desempenho guia, preste muita atenção ao seção de métricas. Fornece uma análise detalhada do desempenho do seu site. Use-os como linha de base antes de ativar o Memcached.

Como habilitar o Memcached no WordPress

Com sua linha de base de desempenho definida, vamos ver quanto tempo você pode reduzir a velocidade de carregamento da página. Em primeiro lugar, o método de configuração do WordPress Memcached dependerá de vários fatores.

Alguns provedores de hospedagem oferecem suporte de cache por padrão. Caso contrário, você pode instalar manualmente o Memcached em seu servidor – se tiver acesso correto aos protocolos de rede.

Se você tiver acesso a protocolos de rede, precisará acessar o Secure Shell (SSH) do seu servidor.

Ler:  Ideias para iniciar seu negócio online em 2024

Se essa também não for uma opção para você, entre em contato com seu provedor de hospedagem para que ele possa ativar o Memcached em seu site WordPress.

Usando SSH

Depois de acessar o prompt de comando SSH do seu servidor, você pode instalar o Memcached usando comandos do Linux. É melhor que você entenda como funciona a distribuição Linux específica do seu servidor.

Por exemplo, os sistemas operacionais Debian e Ubuntu usam comandos ligeiramente diferentes do Fedora ou Redhat. Se não tiver certeza sobre os comandos de instalação da sua distribuição Linux, você pode verificar a documentação.

No Ubuntu, use o comando:

apt-get instalar memcached

No Redhat, use o comando:

yum instalar o memcached

Quando terminar, vá para o painel do WordPress e baixe um plugin de cache como W3 Total Cache para configurar seu módulo WordPress Memcached.

Entre em contato com seu provedor de hospedagem na web

Memcached é um software popular e muitos provedores de hospedagem o pré-instalam em seus servidores.

Verifique com seu anfitrião. Se o seu host tiver o Memcached pré-instalado, você poderá habilitá-lo no painel de controle. Se o host não o tiver pré-instalado, você poderá pedir à equipe de suporte para configurá-lo para você.

Considerações finais: Habilite o Memcached no WordPress para aproveitar ao máximo sua solução de hospedagem

Memcached continua sendo um sistema de cache amplamente popular devido à sua simplicidade, velocidade e escalabilidade. É uma maneira eficiente de armazenar e recuperar dados da memória do servidor — reduzindo a carga de trabalho em bancos de dados backend e otimizando o desempenho.

A flexibilidade e ampla compatibilidade do Memcached o tornam uma ferramenta valiosa para todos os tipos de proprietários de sites WordPress – desde que tenham RAM suficiente.

Se você está procurando uma hospedagem que suporte sites de alto desempenho, considere o Hostinger. Hostinger fornece Redis para cache de objetos com o plugin Object Cache Pro para integração ao WordPress.

Além disso, você pode ter acesso a 32 GB de RAM com hospedagem WordPress empresarial da Hostinger, bem como 10.000 GB de largura de banda. Contate-nos hoje para discutir suas necessidades de hospedagem ou habilitar o Memcached em seu site WordPress.

Novas publicações:

Recomendação