Um guia abrangente para códigos de acesso do WordPress

A origem do WordPress remonta ao início dos anos 2000, quando as plataformas de blog estavam no auge.

O WordPress foi inicialmente lançado como uma plataforma de blog, mas com o passar dos anos, tornou-se um construtor de sites popular e eficiente, com um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) incrivelmente robusto.

Você pode criar um site bonito e altamente personalizado com a plataforma WordPress. E uma maneira de fazer isso é usando códigos de acesso do WordPress.

Parece intimidante?

Aqui estão as boas notícias:

Você não precisa ser um desenvolvedor ou um roteirista qualificado para usar códigos de acesso. Criamos este prático tutorial de shortcode do WordPress para ajudá-lo a modificar e projetar seu site para atender às suas necessidades.

Continue lendo para aprender:

O que é um código curto?

Um shortcode é um atalho que ajuda você a adicionar e definir vários objetos no código-fonte da sua página.

Simplificando, os códigos de acesso são pequenos trechos de código que podem executar múltiplas funções. Eles simplificam o código do seu site e facilitam o gerenciamento, mesmo que você não tenha nenhuma experiência em desenvolvimento de sites.

Você pode inserir esses trechos de código em qualquer postagem, página ou widget do seu site para adicionar funções dinâmicas como galerias, vídeos ou conteúdo de fontes externas.

Os códigos de acesso são exibidos entre colchetes, conforme mostrado na imagem abaixo:

Os códigos de acesso são fáceis de usar e você pode até criar os seus próprios sem nenhum conhecimento prévio de codificação.

O que são códigos de acesso do WordPress?

Os códigos de acesso do WordPress são microcódigos que você pode usar no editor, widgets e modelos padrão do WordPress para personalizar seu site.

Ler:  A alteração dos temas do WordPress afeta o SEO?

Do lado técnico, as funções PHP definidas no registro do shortcode processam os shortcodes para exibir o conteúdo que você deseja inserir.

Apesar de sua facilidade de uso, as pessoas muitas vezes ignoram ou nem sequer conhecem os códigos de acesso do WordPress, por mais úteis que sejam.

Aqui estão dois tipos de códigos de acesso que ajudarão você a transformar seu conteúdo em uma experiência de usuário cativante:

  • Códigos de acesso de fechamento automático: Este tipo de shortcode inclui apenas uma tag que se fecha sozinha. Para personalizar um shortcode de fechamento automático, você precisa especificar atributos como largura, eu iaou ordem.Um exemplo de shortcode de fechamento automático é .
  • Incluindo códigos de acesso: Por outro lado, você precisa de uma tag de fechamento para este tipo de shortcode. Você também pode definir os atributos, mas o conteúdo principal está localizado entre as tags de abertura e fechamento. Na maioria das vezes, você encontrará códigos de acesso usados ​​com elementos HTML. Vamos dar uma olhada no seguinte exemplo de shortcode do WordPress:

Esse é um código de acesso para uma legenda que permite agrupar legendas em torno do conteúdo, que é usado principalmente para imagens. Possui um valor entre as tags shortcode de abertura e fechamento que define o conteúdo. No nosso caso, possui um link para a própria imagem com os atributos correspondentes.

Para entender melhor a diferença entre esses dois tipos de códigos de acesso, vamos dar uma olhada na imagem abaixo:

A maioria dos códigos de acesso deixa bem claro o que eles fazem.

Por exemplo, o shortcode incorpora uma galeria de imagens em seu site WordPress. Para usá-lo, basta colá-lo diretamente em um post ou página, e ele ficará imediatamente visível no front end.

Nos bastidores, o shortcode diz ao WordPress para executar um segmento estendido de código em um dos arquivos do seu site. Mas esse método não precisa de mais informações suas.

E é aí que entra a API de shortcode do WordPress. A API de shortcode é um conjunto intuitivo de recursos para criar códigos de acesso do WordPress que são usados ​​em postagens e páginas.

Ler:  10 passatempos que rendem dinheiro

A API capacita os desenvolvedores de plug-ins a criar variedades exclusivas de conteúdo que os usuários podem conectar às suas páginas, incluindo o código de acesso correspondente no texto da página da web.

A API lida com toda a análise difícil, eliminando a necessidade de escrever um regex personalizado para cada função do código. Estão incluídas funções de ajuda para configurar e acessar atributos padrão.

A API oferece suporte a códigos de acesso para fechamento e acréscimo automático – ou, como é popularmente chamado na comunidade de desenvolvimento do WordPress, para códigos de acesso de fechamento automático e de fechamento.

Quais são os códigos de acesso padrão do WordPress?

Para facilitar sua familiarização com o uso de códigos de acesso, a instalação do WordPress vem com vários códigos de acesso padrão:

  • — com a ajuda deste shortcode, você pode facilmente adicionar conteúdo de vídeo à sua página WordPress.
  • – use este código de acesso para compartilhar uma lista de faixas de música com os visitantes do seu site.
  • — permite compartilhar várias imagens na mesma página em uma visualização de galeria.
  • – dá a você a oportunidade de incluir legendas em qualquer tipo de conteúdo.
  • — permite inserir itens incorporados.
  • — permite postar arquivos de áudio em sua página da web.

Eles são bastante autoexplicativos e não requerem nenhuma habilidade especial de sua parte para usá-los. Mas se esses códigos de acesso não atenderem às suas necessidades, você pode criar os seus próprios com a ajuda de nosso tutorial de códigos de acesso do WordPress abaixo.

Como faço para criar um shortcode WordPress?

A API de shortcode do WordPress torna bastante simples a criação de seus próprios shortcodes. Isso permitirá que você aproveite as vantagens dos recursos do seu plugin ou tema em qualquer área baseada em texto do seu site WordPress.

A criação de um shortcode começa com o add_shortcode função. Ele inclui dois parâmetros: uma tag de shortcode exclusiva que representa o nome do shortcode e a função manipuladora que é executada após o registro do shortcode.

A sintaxe muito simples da função é mostrada abaixo:

Ler:  Por que você não deve ignorar a importância da UX para SEO

shortcode_name é uma tag de shortcode exclusiva e nome_da_função_do_manipulador é um nome de função de retorno de chamada.

Além de registrar seu shortcode, você precisa definir a própria função do manipulador. Esta função dá propósito ao seu shortcode.

Vamos dar uma olhada em um exemplo geral da função do manipulador de shortcode:

O nome da função deve corresponder à segunda linha de um add_shortcode função (que é nome_da_função_do_manipulador).

O retorno de chamada em si pode incluir até três parâmetros:

  • O $atributos parâmetro significa atributos que são passados ​​para a função.
  • O $conteúdo variável representa o conteúdo que um usuário insere entre as tags de shortcode de abertura e fechamento.
  • O $shortcode_tag atributo é um nome exclusivo especificado no add_shortcode função. Você só precisa incluir este atributo se dois códigos de acesso registrados compartilharem o mesmo manipulador de função.

A função shortcode pode ser tão simples quanto você desejar, dependendo das necessidades do seu site. Você pode colocar o script shortcode no funções.php arquivo dentro de qualquer plugin ou pasta de tema. Ou você pode até mesmo inseri-lo no código da página diretamente usando o editor padrão do WordPress.

Como usar códigos de acesso do WordPress

Os desenvolvedores do WordPress gostam de usar códigos de acesso porque são muito simples de criar e implementar. Você pode incorporar códigos de acesso em qualquer lugar do seu site e verificar os resultados imediatamente visualizando a página.

Veja como usar códigos de acesso do WordPress:

Nas páginas do site

Primeiro, faça login no painel do WordPress e vá para a página que deseja editar. No editor de páginas, clique no sinal de adição (+) assine para ver a lista de elementos do WordPress e pesquise por Código curto.

Aqui, você pode colar o shortcode que criou:

Em widgets da barra lateral

Você também pode colocar seu código de acesso dentro dos widgets da barra lateral. Para fazer isso, vá para Aparência > Widgets e adicione um Widget de texto:

Cole o shortcode dentro do campo do widget de texto e clique Salvar. Você pode verificar os resultados visualizando sua página.

Em rodapés e cabeçalhos

Embora os códigos de acesso tenham sido projetados principalmente para postagens e widgets, isso não significa que você não possa usá-los de forma independente.

Ler:  Como garantir um orçamento maior para mídias sociais, maximizando a produtividade e comprovando o ROI em 2024

Para fazer isso, você precisa adicionar do_shortcode() função para o seu tema rodapé.php ou cabeçalho.php arquivo de modelo:

Esse snippet de código colocará o shortcode em seu site

Profissionais de códigos de acesso do WordPress

Agora que você sabe como criar e usar códigos de acesso do WordPress, vamos discutir os benefícios de usá-los:

  • Você pode usar códigos de acesso de forma independente, sem precisar instalar plug-ins separados.
  • Os códigos de acesso são flexíveis e personalizáveis, o que permite adicionar muitos tipos diferentes de elementos ao seu site.
  • Os códigos de acesso são mais fáceis de usar em comparação com as linguagens de script HTML ou PHP.
  • Você pode configurá-los como um plugin separado e usá-los em diferentes sites.
  • Eles são muito mais fáceis de usar em comparação com trechos de código.

Contras dos códigos de acesso do WordPress

Como acontece com qualquer outro recurso, os códigos de acesso apresentam algumas desvantagens:

  • Os códigos de acesso podem afetar gravemente o desempenho do seu site devido ao aumento no número de solicitações do servidor.
  • Embora sejam fáceis de usar, você ainda precisa digitar os códigos de acesso manualmente, em vez de usar os recursos intuitivos habituais do WordPress.
  • Os códigos de acesso implementados em temas deixarão de funcionar se você alterar o tema.
  • Há uma chance de conflito de sintaxe entre o shortcode e o código da página.

Agora você sabe

Os códigos de acesso podem parecer exigentes para usuários iniciantes do WordPress.

Mas os códigos de acesso são fáceis de manusear e criar, uma vez que você entende como usá-los, abrindo seu site para um reino de belas possibilidades de design e funcionalidade.

Considere hospedar com Hostinger

É extremamente importante ter um host de alto desempenho por trás de você para responder com flexibilidade às necessidades do seu site. A hospedagem gerenciada de WordPress da Hostinger foi projetada para ajudá-lo a ter a melhor experiência em WordPress.

Experimente hoje mesmo o Hostinger Fully Managed WordPress Hosting e crie seu primeiro site WordPress com apenas um clique.

Novas publicações:

Recomendação